João Pessoa: 21 de fevereiro de 2024

SES realiza capacitação para prevenção e controle das Infecções relacionadas à Assistência à Saúde

Publicado em: 28 de novembro de 2023

WhatsApp Image 2023-11-27 at 18.10.28 (1).jpeg
WhatsApp Image 2023-11-27 at 18.10.28 (2).jpeg
WhatsApp Image 2023-11-27 at 18.10.28.jpeg

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES)/Núcleo Estadual de Controle das Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (NCIRAS), iniciou, nesta segunda-feira (27), o 5º Seminário Estadual de Prevenção e Controle das Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde. A agenda, que acontece no Hotel Litoral, em João Pessoa, será realizada até esta terça-feira (28) e tem o objetivo de fortalecer o conhecimento sobre as Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (Iras) e dar destaque às experiências exitosas que vêm sendo desenvolvidas pelos profissionais dos referidos serviços de saúde convidados.

O tema central do seminário trata sobre a “Atuação assertiva da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar e as repercussões para o paciente e para o serviço de saúde”. Para isso, conta com um grupo de palestrantes que está abordando temáticas fundamentais para o processo de trabalho na área da assistência à saúde para profissionais das Comissões de Controle de Infecção Hospitalar dos hospitais situados nas gerências regionais de saúde do interior do estado, assim como profissionais dos Núcleos de Segurança do Paciente em Serviços de Diálise localizados nas referidas gerências.

De acordo com a gerente executiva de Vigilância em Saúde da SES, Talita Tavares, o compartilhamento de informações é sempre bom para os profissionais que trabalham dentro das comissões de infecções hospitalares do estado para a troca de suas experiências e atualizações de temas relevantes que possam fortalecer o processo de trabalho dentro da rede hospitalar dando segurança aos pacientes.

“Esse seminário acontece anualmente e conta com todos os profissionais que executam a segurança hospitalar do paciente e faz o controle da infecção hospitalar. Esse evento é importante porque traz a realidade diversa de acordo com o porte hospitalar que esses profissionais vivenciam e se fortalecem para se atualizarem dentro das normativas da Anvisa e da Vigilância Sanitária, por isso é importante ter esses espaços de capacitação para fortalecer a parte técnica,” ressaltou.

O 5º Seminário é uma atualização do conhecimento e fortalecimento das equipes que trabalham nos núcleos de controle de infecção hospitalar do interior do estado. Dessa forma, todos os profissionais do interior passam por uma atualização e fortalecimento do conhecimento.

Segundo o coordenador do Núcleo Estadual de Controle das Infecções Hospitalares da SES, Tiago Gomes, o evento deste ano está direcionado aos hospitais do interior do estado, entretanto no ano passado o seminário foi voltado aos serviços que fazem hemodiálise. Desse modo, todos os profissionais ficam capacitados para trabalhar em várias áreas do conhecimento no que se refere ao controle e prevenção das infecções hospitalares.

“Quando uma equipe é bem ativa e que executa suas funções, a repercussão disso é que a gente vai ter uma estada desse paciente no hospital com maior segurança e a gente consegue diminuir os riscos de infecção associado à assistência a esse paciente internado. Então, esse seminário vem fortalecer essas equipes para assegurar uma estada mais segura aos pacientes,” garantiu.

Experiência exitosa – No primeiro dia de evento foi apresentada a experiência exitosa do Hospital Distrital de Itaporanga para o controle e prevenção da infecção hospitalar. A iniciativa se deu a partir de ações educativas para a conscientização dos profissionais em saúde, iniciando com o processo simples de higienização dos setores, lavagem das mãos, monitoramento do uso de antibióticos, finalizando com o êxito na redução dos custos financeiros do hospital.

De acordo com a técnica da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital Distrital de Itaporanga, Ranielle Fernandes, as atitudes simples geram os resultados mais satisfatórios tanto para os pacientes quanto para o hospital, pois quando o gestor apoia a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) traz muitos benefícios para a assistência do paciente.

“A nossa experiência teve êxito a partir do momento que trabalhamos ações educativas a partir das equipes que trabalham com a higienização até chegar aos profissionais de nível superior. Passamos a orienta-los sobre a sua paramentação correta, a não trazer alimentos de fora, fazer a higienização correta das mãos e a respeitar as normas e rotinas do hospital. Desse modo, percebemos que atitudes simples resultam em diminuição do tempo de internação do paciente e, consequentemente, do custo com materiais e medicamentos em geral, diminuindo o custo financeiro do hospital e ganhando em qualidade de assistência para o paciente que é bem atendido e pode voltar rapidamente para sua casa em segurança e com a saúde restabelecida,” afirmou.

Como a intersetorialidade faz parte das ações desenvolvidas pela SES-PB, o 5º Seminário tem a colaboração do Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB), da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e do Núcleo de Assistência Hospitalar (NAH/ SES-PB) objetivando garantir uma assistência à saúde com qualidade e segurança à população paraibana.

SECOM

Compartile:

Tags: