João Pessoa: 18 de julho de 2024

Governo da Paraíba apresenta inovações do PPA 2024-2027 em encontro para elaboração do plano com servidores estaduais

Publicado em: 15 de agosto de 2023

Compartilhar responsabilidades entre unidades gestoras em prol de uma meta, dispor de maior regionalização e tornar o PPA um instrumento de planejamento cada vez mais efetivo para o estado. Com esses objetivos, o Governo do Estado da Paraíba realizou, nesta segunda-feira, o 1º Encontro para Elaboração do Plano Plurianual do Estado da Paraíba 2024-2027. O evento, que ocorreu no Espaço Cultural, apresentou a metodologia de elaboração do PPA 2024-2027 a gestores e servidores que fazem parte do planejamento do estado.

O secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Gilmar Martins, destacou a importância do PPA como instrumento de planejamento efetivo do estado, ressaltando recentes avanços conquistados pelo Governo, como os marcadores que apontam as demandas incorporadas ao PPA provindas do Orçamento Democrático. “A Seplag é o órgão central de planejamento, a quem cabe coordenar o processo, mas quem efetivamente constroi esse instrumento de planejamento são os servidores de cada órgão ligados ao processo. Daí a importância de estarmos todos alinhados e, assim, podermos monitorar e avaliar a efetivação de nossas políticas públicas”, disse.

Já o diretor executivo estadual de planejamento da Seplag, Jakson Amâncio, explicou que, no PPA 2024-2027, será possível ter o chamado compartilhamento de responsabilidades, no qual tanto a unidade gestora é responsável pelo objetivo dispoto como também as unidades orçamentárias envolvidas na meta em questão. “Além disso, inserimos a regionalização com as regiões imediatas do IBGE, o que vai permitir um maior monitoramento de todo o processo”, falou.

As 25 diretrizes do Plano Plurianual (PPA) foram oriundas do Plano de Governo que foi apresentado à sociedade por ocasião da recondução do governador João Azevêdo, representando os princípios e orientações estratégicas que norteará as ações governamentais durante o período de vigência do plano, num horizonte de quatro anos.

O plano divide-se em três eixos: Eixo I: Paraíba em Boa Governança – Práticas Democráticas e de Gestão de Governança Pública; Eixo II: Paraíba Nos Princípios Sustentáveis – Ideias Construtivas e Cultura Empreendedora; e Eixo III: Paraíba Inteligente e Inovadora – Empreendimentos Consistentes, Diferenciados e Relevantes.

SECOM

Tags:

Compartile: