João Pessoa: 18 de julho de 2024

Funcionamento aos sábados facilita a usuários atendimento por cartório em CG

Publicado em: 6 de junho de 2023

Comerciante e morador do bairro do Catolé, em Campina Grande, Josicleu Leite chegou cedo, sábado, ao Cartório da Prata situado no bairro bastante conhecido pela feira livre e pela escola estadual, para dar andamento a um inventário. “Esse dia, não útil, é bastante oportuno porque tenho mais tempo para vir e conversar com mais tranquilidade e paciência”, afirmou.

Indagado qual nota daria entre 0 a 10 à iniciativa, o simpático sexagenário não titubeou: “1000”. A engenheira química Lúcia de Fátima que, acompanhada da filha, foi atendida em seguida, foi mais além e sugeriu que o funcionamento ocorra também às tardes dos sábados. Na demanda de divórcio, ela foi sucedida pela jovem advogada Anne Muniz, cuja avaliação não foi outra.

“Trabalho muito a semana toda, conheci o cartório por meio do Instagram, fui atendida de forma remota e precisei vir aqui somente para assinar atos necessários como esse, o que, em dias não úteis como hoje, facilitou bastante minha vida”, destacou  Anne.

Ela também elogiou a educação e presteza no atendimento prestado pelas escreventes Bruna Alves e Iasmim Barbosa, bem como outro diferencial, que é a gratuidade na realização de diligências administrativas e burocráticas necessárias para a lavratura de escrituras.

WhatsApp e agendamento de atendimento

O contato inicial com o cartório se dá também via WhatsApp através do número (83) 3099-2869 inclusive com agendamento prévio de atendimento, mas para a conclusão das demandas, é necessário ir até o prédio, localizado na esquina das Ruas Duque de Caxias e Capitão João Alves de Lira, defronte à Clínica Dr.Wanderley.

O tabelião responsável pela serventia, Danilo Borinato, considera feedbacks como esses os mais positivos, pois mostram que sua gestão como delegatário, no sentido de prestar da melhor forma possível serviços aos clientes continua no caminho certo e que críticas construtivas e/ou reclamações também são bem-vindas para que sejam feitas correções de rumo e aperfeiçoada a referida prestação.

Por fim, sobre a sugestão pela cliente Lúcia de Fátima, de funcionamento do cartório também nas tardes dos sábados, explicou, de forma descontraída: “adoraríamos, mas temos implicações trabalhistas que não comportam o funcionamento neste horário aos sábados”.

Além do Cartório da Prata, também abrem aos sábados os 7º e 9º Tabelionatos de Notas da cidade.

Tags:

Compartile: