João Pessoa: 24 de maio de 2024

João Azevêdo entrega reforma do ginásio e parque infantil no Instituto dos Cegos de Campina Grande e destaca compromisso com políticas de inclusão

Publicado em: 24 de maio de 2023

O governador João Azevêdo entregou, nesta terça-feira (23), a reforma e ampliação do ginásio paradesportivo e o parque infantil do Instituto dos Cegos de Campina Grande, que receberam investimentos superiores a R$ 1 milhão. Os equipamentos irão auxiliar nas atividades recreativas da instituição e no treinamento de paratletas, que agora poderão praticar diversas modalidades do paradesporto em um espaço adequado e confortável.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou a satisfação de entregar mais uma ação do governo para uma instituição comprometida com o cuidado das pessoas. “Nós estamos entregando um equipamento que representa, acima de tudo, inclusão. Temos feito parcerias com diversas instituições que têm realizado um trabalho sério, como o Instituto dos Cegos de Campina Grande, que ganha um espaço adaptado e adequado para a prática de esporte”, frisou.

A primeira-dama do estado, Ana Maria Lins, que recebeu a reivindicação pela reforma do ginásio durante uma visita à instituição, destacou a alegria de retornar ao Instituto para participar da entrega da obra. “Nós recebemos essa demanda quando tivemos a oportunidade de visitar o Instituto dos Cegos e hoje voltamos para acompanhar a realização de um sonho de uma instituição que trabalha há mais de 70 anos para garantir dignidade e qualidade de vida a quem precisa da nossa atenção especial e vamos continuar com esse trabalho inclusivo e comprometido”, falou.

A secretária de estado do Desenvolvimento Humano, Pollyanna Dutra, evidenciou o compromisso da gestão com o fortalecimento de políticas públicas inclusivas. “Nós temos um governo de inclusão, que tem tido sensibilidade para assegurar o acesso aos direitos de todos os cidadãos e vamos continuar com esse trabalho, por meio dos convênios, projetos e políticas públicas desenvolvidas pelo estado”, declarou.

A presidente do Instituto dos Cegos de Campina Grande, Adenize Queiroz, agradeceu ao governador João Azevêdo e à primeira-dama Ana Maria Lins pela ação e sensibilidade de atender os pleitos da instituição. “O instituto atua há mais de 70 anos pela ousadia das pessoas cegas porque queremos aprender a ler, a escrever, a utilizar o computador, a praticar esporte, também queremos ser inseridos no mercado de trabalho e contamos com a colaboração do Governo do Estado nesse trabalho que fazemos para todo o Compartimento da Borborema, garantindo a dignidade inerente à pessoa humana, e o protagonismo, por isso, esse é um feliz dia para cada um de nós”, disse.

A judoca Maria de Fátima Rocha agradeceu o olhar atento da gestão estadual com o Instituto dos Cegos de Campina Grande. “Essa é uma ocasião de grande importância, em especial, para todos os atletas porque esse será um local de treinamento para melhorar o nosso rendimento no judô, no futebol de cegos onde já nos destacamos em nível nacional. Nós também agradecemos ao governador por programas, como o Bolsa Esporte, que garantem autonomia e inclusão às pessoas com deficiência, nos permitindo acessibilidade no esporte, na educação, nos preparando para a vida, para o ingresso na universidade, na inserção no mercado de trabalho”, comentou.

O ginásio possui uma área de 986 metros quadrados, dos quais 924,00m² foram reformados e 62,00m² foram ampliados. O equipamento conta com vestiários feminino, masculino e para Pessoas com Deficiência e arquibancada.

O vice-governador Lucas Ribeiro, os deputados estaduais Inácio falcão e João Paulo; prefeitos da região; os vereadores de Campina Grande, Eva Gouveia, Pimentel Filho, Jô Oliveira, Valéria Galvão, Renan Maracajá, Rostand Paraíba, Bruno Faustino e Anderson Pila; e auxiliares da gestão estadual, a exemplo do secretário da Comunicação Institucional, Nonato Bandeira, e o secretário executivo da Articulação Política, João Paulo Freire, prestigiaram a solenidade que foi marcada por apresentações culturais, musicais, além de uma partida de futebol de 5 por paratletas da seleção brasileira de base.

SECOM

Tags:

Compartile: