João Pessoa: 15 de junho de 2024

Programa Apoio Universitário da Prefeitura de João Pessoa inicia inscrições nesta segunda-feira

Publicado em: 24 de abril de 2023

Têm início, nesta segunda-feira (24), as inscrições para o Programa Apoio Universitário da Prefeitura de João Pessoa, que são realizadas apenas online e seguem até o próximo dia 24 de maio. Os interessados devem acessar o link, onde encontrarão o formulário de inscrição.

O programa, lançado pelo prefeito Cícero Lucena no último dia 20, é gerido pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e tem quase R$2 milhões investidos em recursos próprios. A iniciativa beneficia alunos do ensino superior em vulnerabilidade social que estejam matriculados em instituições públicas ou privadas, visando fornecer apoio financeiro para que possam viabilizar sua graduação.

Nesta edição do programa, são oferecidas 300 vagas, sendo 200 destinadas para alunos cujas famílias estão cadastradas no CadÚnico e são beneficiadas pelo Bolsa Família, outras 100 vagas para selecionados que estejam inscritos no CadÚnico e a família não receba o Bolsa Família, além de 10% das vagas totais voltadas para pessoas com deficiência. Atualmente, o programa beneficia 232 estudantes.

Edital – No edital do programa, publicado no Diário Oficial Municipal, os candidatos poderão baixar e preencher a ‘Declaração de não vínculo’, que deve ser anexada ao formulário de inscrição. Os pais ou responsáveis pelos candidatos que forem menores de idade devem baixar e preencher a ‘Autorização para menores’ e também anexar ao formulário.

O resultado final, após recursos, será divulgado dia 7 de julho. Os contemplados terão entre os dias 17 e 28 de julho para cadastramento junto ao Apoio Universitário. No dia 2 de agosto, acontece a palestra obrigatória para os novos beneficiários.

Os estudantes que são contemplados com o Bolsa Família recebem o apoio municipal com o valor correspondente a um sexto do salário mínimo vigente. Já os que estão apenas no CadÚnico recebem o Apoio Universitário correspondente a um terço do salário mínimo vigente.

  • Texto: Eloísa Cândido
    Edição: Felipe Silveira
    Fotografia: Arquivo/SECOM

Tags:

Compartile: