João Pessoa: 5 de março de 2024

Vice-governador quer inclusão de laboratório farmacêutico da Paraíba no rol de fornecedores do Ministério da Saúde

Publicado em: 30 de março de 2023

 

Cumprindo agenda em Brasília, o vice-governador da Paraíba, Lucas Ribeiro, participou de uma importante reunião no Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (29). Acompanhado do secretário de Saúde do estado, Jhonny Bezerra, e do coordenador do Laboratório Industrial Farmacêutico da Paraíba (Lifesa), Luciano Piqué, Lucas pleiteou junto à Secretaria de Vigilância em Saúde a inserção do laboratório no rol de fornecedores do Ministério.

O Laboratório Farmacêutico Estadual realiza produção em larga escala de insumos importantes. Conforme explicou o secretário Jhonny Bezerra, a ideia é que a produção de preservativos femininos, que acontece na Paraíba, seja expandida para todo o território brasileiro e o Lifesa possa concorrer de forma ativa nos processos licitatórios nacionais.

“Mais uma vez estamos em Brasília pleiteando metas para o estado da Paraíba. O Lifesa trabalha usando transferência de tecnologia do Instituto Cupid, líder mundial de mercado neste segmento e pode se estabelecer como polo produtor deste insumo”, ressaltou Jhonny Bezerra.

De acordo com o vice-governador, o Laboratório é uma das grandes potencialidades da saúde paraibana e tem todos os requisitos para expandir as suas produções. Ele destacou a reunião inicial como produtiva e acredita que a apresentação do projeto foi mais um grande passo no caminho para alcançar esse objetivo.

“O Lifesa é um patrimônio da saúde pública paraibana e estamos lutando para que ele possa contribuir ainda mais para a saúde do nosso estado e do país. Acredito que temos uma excelente equipe e tecnologia de ponta para atender às demandas do Ministério da Saúde”, afirmou Lucas Ribeiro.

Durante a reunião, foram discutidos detalhes sobre a capacidade produtiva do laboratório, bem como os procedimentos para que o Lifesa possa se tornar um fornecedor do Ministério da Saúde.

Também foram apresentadas as ações exitosas do Programa Coração Paraibano, com finalidade de trazer subsídios, credenciamento e habilitação da rede de hemodinâmicas e leitos de cardiologia implantados no estado. A iniciativa garante atendimento cardiológico aos 223 municípios do Estado.

Compartile:

Tags: