João Pessoa: 15 de junho de 2024

Lula volta a defender criação de grupo de países para construir a Paz na guerra Ucrânia-Rússia: “É urgente”

Publicado em: 24 de fevereiro de 2023

Portal WSCOM

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta sexta-feira (24) que é “urgente” que um grupo de países não envolvidos na guerra da Ucrânia assuma o papel de encaminhar negociações para o restabelecimento da paz no leste europeu.

O presidente deu a declaração em uma rede social no dia em que o conflito completa um ano de duração. A guerra, iniciada em fevereiro de 2022, já deixou milhares de mortos.

“No momento em que a humanidade, com tantos desafios, precisa de paz, completa-se um ano da guerra entre a Rússia e a Ucrânia. É urgente que um grupo de países, não envolvidos no conflito, assuma a responsabilidade de encaminhar uma negociação para restabelecer a paz”, afirmou Lula.

Nos últimos dias, o governo brasileiro tem defendido que um grupo de nações entre no cenário para fazer negociações entre os dois países do conflito.

 

Tags:

Compartile: