João Pessoa: 27 de fevereiro de 2024

Frente Parlamentar do Mercado Imobiliário fomentará desenvolvimento da PB

Publicado em: 15 de fevereiro de 2023

O primeiro passo nesse sentido, para criação, constituição e instalação da FPMI, foi dado pelo deputado estadual George Morais, através de requerimento aprovado à unanimidade na Assembleia Legislativa da Paraíba, que se encontra Divisão de Pesquisa e Estudos Legislativos, de onde seguirá para a Secretaria Legislativa e plenário.

George disse estar confiante na adesão e participação suprapartidária dos seus pares nessa associação representativa de um setor cuja pujança e contribuição para o desenvolvimento do estado já era visível não só na Capital e agora em várias regiões através de lançamentos de empreendimentos em Campina Grande, litoral norte a partir de Cabedelo, litoral sul e com destaque em Bananeiras e Solânea, mas também no Vale do Sabugí e Espinharas, com o advento das instalações de parques de energia eólica e solar.

Boom imobiliário

Em sua justificativa, ele acrescentou que segundo informações do Conselho Regional de Imóveis da Paraíba (Creci-PB), que tem à frente Ubirajara Marques, projetos de loteamentos urbanos estão sendo elaborados em diversas outras regiões em cidades-polo do Alto Sertão, Vale do Piancó, Curimataú e Cariri.

“Outro aspecto relevante é a busca desse mercado por diversas empresas de outros estados e, por conseguinte do aumento substancial de novos corretores de imóveis, muitos deles outras áreas atraídos pela valorização da profissão, o que fez com que a Paraíba tenha mais do que o dobro de profissionais inscritos no Creci do vizinho estado do Rio Grande do Norte e esteja próximo de atingir o número existente em Pernambuco”, lembrou.

Burocracia e falta de apoio

Nesse contexto de fomento à economia, George demonstrou a capacidade desse segmento de agregar e impulsionar valor a outros, como o do turismo, construção civil e o de infraestrutura, mas também alertou para as amarguras da burocracia e da falta de apoio público para debater importantes questões, como tributação, emolumentos cartorários, mobilidade urbana, daí a iniciativa de buscar com o apoio dos demais deputados, avocar para a Assembleia Legislativa o protagonismo dessa discussão e deliberações junto a outras entidades ligadas ao setor.

“Que possamos – tal qual existe há várias legislaturas no Congresso Nacional – ter essa Frente Parlamentar na Paraíba, para pautar, discutir e defender os interesses mais legítimos do setor, na certeza de que estaremos contribuindo de forma direta com o progresso econômico do Estado, gerando imagem positiva também perante o país”, conclamou.

Compartile:

Tags: