João Pessoa: 26 de fevereiro de 2024

Daniella questiona baixa no emprego em Campina e propõe debate sobre retomada

Publicado em: 22 de dezembro de 2022

A senadora Daniella Ribeiro, presidente do PSD paraibano, informou nesta quinta-feira (22) que irá enviar ofício, ainda este ano, aos representantes de entidades do setor produtivo de Campina Grande convidando-os a um encontro logo no início de 2023 para discutir a situação de geração de emprego e renda no município.

A senadora se mostrou extremamente preocupada com os recentes números divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério da Economia, apontando que, no mês de outubro, Campina Grande foi a única cidade do interior do Nordeste que registrou saldo negativo na geração de postos de trabalho.

Em sentido oposto, a Paraíba registrou, no mesmo período, saldo positivo em razão do crescimento dos postos de trabalhos nas demais cidades. De acordo com os dados do Caged, em outubro, foram 32 postos de trabalhos a menos registrados em Campina Grande.

Em Pernambuco, a cidade de Caruaru, que disputa com Campina o título de melhor destino de São João do Nordeste, registrou 107 postos a mais.

“Não podemos ficar olhando isso como se fosse algo normal. Campina Grande sempre foi a capital do trabalho da Paraíba. E não pode apresentar números de geração de emprego menores do que o resto do nosso Estado sem que identifiquemos as causas e apontamos as soluções”, declarou a senadora.

“Ao longo destes anos todos, temos trabalhado no sentido de fazer de Campina Grande um polo econômico que gere oportunidades de emprego para toda a população. Por isso brigamos tanto, por exemplo, por mais agências da Caixa Econômica Federal, pela ampliação do nosso parque tecnológico e por apoio aos eventos na cidade, porque sei que a força da economia da Paraíba passa por Campina”, completou.

Daniella Ribeiro destacou ainda que este cenário apontado pelo Caged reforça a importância de um empreendimento do porte do Centro de Convenções que está sendo construído pelo Governo do Estado para atrair eventos de grande porte que movimente a cidade o ano inteiro, contribuindo para o desenvolvimento de vários setores na cidade.

A senadora afirmou que pretende conversar com o setor produtivo logo no início de janeiro. Entre tantas outras, serão convidadas as representações municipais e estaduais do Clube de Dirigentes Lojistas, Associação Comercial, Federação das Indústrias, Associação Brasileiras dos Restaurantes e de Entretenimento, Federação do Comércio, além de órgãos ligados ao setor público.

Compartile:

Tags: