João Pessoa: 22 de julho de 2024

Profissionais de saúde alertam sobre importância da atualização da caderneta de vacina

Publicado em: 16 de fevereiro de 2024

A vacina tem como principal função gerar imunidade, contribuindo diretamente para o controle e eliminação de doenças provocadas por vírus ou bactérias. É um ato de cidadania simples, individual, mas que tem impactos poderosos no coletivo. Na rede municipal de saúde há vacinas para diversos públicos, obedecendo cada faixa etária e recomendação do Ministério da Saúde. Para bebês, crianças, adolescentes, adultos e idosos.

“Fazemos o alerta principalmente para as vacinas que são de campanha, a exemplo da que protege contra Covid-19, a qual é necessário seguir os critérios para completar o esquema vacinal”, destacou Fernando Virgolino, chefe da Seção de Imunização da Prefeitura de João Pessoa.

Nesta sexta-feira (16), as doses das vacinas que integram o Programa Nacional de Imunização (PNI) podem ser encontradas e administradas nas unidades de saúde da família, que funcionam das 7h às 11h e das 12h às 16h, no Centro Municipal de Imunização e nas Policlínicas Municipais, que atendem no período das 8h às 16h.

Há também postos extras criados de forma estratégica, para garantir a assistência preventiva na Capital, que funcionam com horário estendidos, localizados no Shopping Sul, no bairro dos Bancários, e no Home Center Ferreira Costa, às margens da BR-230. Esses dois pontos atendem a população de segunda a sexta-feira, das 12h às 21h, e aos sábados, até 16h. Já o ponto extra localizado no Shopping Tambiá dispõe da assistência no período das 16h às 20h, com todas as vacinas disponíveis, facilitando a vida do usuário que não pode ir até um serviço de saúde durante o horário comercial.

Contra Covid-19 – A vacina que protege contra Covid-19, passou a ser incorporada ao Calendário Vacinal de rotina da criança, conforme o Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde. O objetivo principal da vacinação é reduzir casos graves e óbitos pela Covid-19. Por isso, é fundamental alcançar elevadas e homogêneas coberturas vacinais para todos os grupos com indicação.

As doses para as crianças a partir de seis meses a menores de cinco anos de idade passaram a fazer parte da rotina da caderneta da criança. Nos grupos prioritários a dose pode ser anual ou semestral. Para idosos, gestantes, puérperas e imunossuprimidos, a vacinação será semestral. Para todos os grupos, a vacinação independe da quantidade de doses que já tenham sido tomadas, nos anos anteriores com intervalo de seis meses da última dose.

Todos os imunizantes disponíveis das campanhas ativas (Covid-19 ou Influenza) podem ser administrados simultaneamente com qualquer outro que faz parte do calendário de rotina, em qualquer intervalo de tempo, na faixa etária de seis meses de idade ou mais.

Documentação – Para ter acesso à vacina contra Covid-19, o usuário deve apresentar um documento oficial e o cartão de vacina, que comprove outras doses do imunizante, além do Cartão SUS. Já para receber a vacina contra Influenza e demais vacinas do calendário de rotina, é importante levar o cartão de vacina, Cartão SUS e um documento oficial do usuário.

Locais de vacinação nesta sexta-feira (16): 

Unidades de Saúde da Família (USFs)

Horário: 7h às 11h e das 12h às 16h (de segunda a sexta-feira)

*exceção: Alto do Céu II, Roger III, Cruz das Armas IV, Anayde Beiriz e Jardim Planalto

Policlínicas Municipais e Centro Municipal de Imunização

Horário: 8h às 16h (de segunda a sexta-feira)

Home Center Ferreira Costa

Horário: 12h às 21h (de segunda a sexta-feira) 8h às 16h (sábado)

Shopping Sul

Horário: 12h às 21h (de segunda a sexta-feira) 10h às 16h (sábado)

Shopping Tambiá

Horário: 12h às 20h (de segunda a sexta-feira) 9h às 16h (sábado)

Vacinação Domiciliar

Agendamento: (83) 98645-7727 – (Apenas whatsapp)

Horário: 8h às 16h (de segunda a sexta-feira)

  • Texto: Lílian Pedreira
    Edição: Felipe Silveira
    Fotografia: Arquivo/SECOM

Tags:

Compartile: